quarta-feira, 3 de outubro de 2012

Efésios 6:5-8
Escravos(empregados),obedeçam a seus senhores (empregadores ou patrões); sejam solícitos em dar-lhes o melhor de vocês mesmos.Prestem-lhes o serviço como o fariam a Cristo.Não agradem ao seu senhor enquanto ele está vigiando,para depois relaxar quando não estiver olhando,trabalhem alegremente e com ardor,como se estivessem trabalhando para Cristo,fazendo a vontade de Deus de todo coração.Lembrem-se de que o Senhor lhes pagará cada coisa boa que fizerem.

Observem a declaração "trabalhem alegremente e com ardor,como se estivem trabalhando para Cristo"
Se mantivermos isto em nosso coração,passaremos de escravos a servos.
Talvez você diga: "Eu não sou escravo".
Antes que você se apresse a responder a declaração acima,deixe-me dizer qual a diferença entre escravo e servo.
O escravo faz o mínimo que lhe é exigido; o servo executa o seu potencial máximo.Do escravo se toma,o servo dá.
O escravo tem de fazer,o servo precisa fazer.O servo procura oportunidades,em vez de receber ordens.Ele antevê as necessidades daquele a quem serve e atende-as sem que isso tenha de ser pedido.
Se você pensa que seu Patrão tratando injustamente e é duro com você, você precisa agir e não reagir.A pessoa que age ataca o mal com o bem (Romanos 12:21).Ela se aproximará do patrão que é mau para com ela e dirá algo como: "Senhor,vejo que há algum trabalho extra que precisa ser feito,então quero que saiba que chegarei duas horas mais cedo durante a próxima semana para termina-lo e o senhor não precisa pagar nenhum centavo à mais por isso".
Se você lidar com o conflitos desta maneira ,ganhará o favor de Deus e finalmente do homem.Como sei disso ? Provérbios 3:3-4 nos diz que quando escrevermos misericórdia e verdade na tábua do nosso coração,"acharemos o favor e a boa compreensão diante de Deus e dos homens"