segunda-feira, 6 de outubro de 2014

Jesus não recebeu honra em Nazaré

Nos evangelhos encontramos outro incidente ,ocorrido casa onde Jesus ensinava a uma multidão de mestres e professores das Escrituras.Aqueles ministros haviam saído de todas as cidades da Galiléia e da Judéia para ouvir-lo Lemos : "E o poder do Senhor estava com ele para curar"( Lucas 5:17)
Observe a expressão "para curar "- ela se refere definitivamente aos que o ouviam. Agora ,deixe-me declarar uma verdade: Deus nunca desperdiça nada.Isso mesmo.Leve em conta as vezes em que Jesus alimentou os quatro mil e, outra vez,os cinco mil.Em ambos os casos,Ele deu instruções estritas para que se recolhesse todas as sobras a fim de que nada se perdesse.O que muitos de nós teríamos jogado fora ou colocado na lata do lixo,Ele recolheu. Você pode ver este mesmo padrão através de toda a Bíblia no modo de Deus agir,Ele nunca desperdiça nada.
Então,se o poder do Senhor estava presente para curar os fariseus e doutores da lei,isto significa que havia pelo menos um,e muito provavelmente vários,que precisavam ser curados.Digo isto por experiência própria.Vamos trazer o fato para o presente.Reúna algumas centenas de pessoas numa sala e em um grupo desse tamanho haverá pelo menos uma dúzia,e muitas vezes mais que isso,com algum tipo de indisposição ou dor.O poder de Deus está ali para curá-las,mas nenhuma delas recebe a cura.
Mais tarde ,alguns homens trouxeram uma amigo para lírico sobre uma maca.Depois de não conseguirem entrarem pela porta da frente porque a casa estava cheia,eles entraram por  outro caminho.Em vez de desistirem,foram para o telhado da casa,arrancaram as telhas e fizeram descer o paralítico até o meio onde  Jesus estava.Então lemos : "Vendo-lhes a fé,Jesus disse ao paralítico : "Homem,estão perdoados os teus pecados". E os escribas e fariseus arrazoavam,dizendo: Quem é este que diz blasfêmias ? Quem pode perdoar pecados senão Deus ? (v 20-21)
Observe que Lucas escreve que os fariseus "arrazoavam,dizendo". Vamos investigar um pouco mais fundo.Será que aqueles líderes sussurravam aos seus companheiros que estavam sentados próximos a eles ? Será que se reuniram em pequenos grupos e discutiram entre eles a declaração de Jesus? A fim de trazer esclarecimento,precisamos consultar o relato de Mateus.Ele escreveu que os escribas "diziam consigo"( 9:3). Então vemos que  aqueles mestres desonram a Jesus apenas com os pensamentos.Eles falaram consigo mesmo.Não falaram em voz alta,dizendo palavras críticas,depreciativas ou indecorosas,antes,opuseram-se ao Mestre somente em pensamento.Marcos também registrou que eles "arrazoavam em seu coração "(2:6). Veja a resposta de Jesus aos pensamentos deles:
 E Jesus,percebendo logo por seu Espírito que eles assim arrazoavam,disse-lhes: "Porque arrazoais sobre estas coisas em vosso coração? Qual é mais fácil ? Dizer ao paralítico: Estão perdoados os teus pecados,ou dizer levanta-te ,toma o teu leito e anda ? Ora, para que saibais que o Filho do Homem tem sobre a terra autoridade para perdoar pecados "- disse ao paralítico; "Eu te mando: Levanta-te ,toma o teu leito e vai para tua casa".

Imediatamente o paralítico se levantou,tomou o seu leito e saiu da casa diante dos olhos de todos os ministros.A Bíblia que aqueles pregadores e mestres ficaram muito admirados e glorificaram a Deus,dizendo: "Jamais vimos coisa assim !"(v 12)
Todos ficaram admirados,mas nenhum deles foi curado ! Eles não receberam nenhuma recompensa porque desonraram a Jesus simplesmente devido ao modo de pensar ! Naquele incidente,não pesaram suas atitudes nem suas palavras,mas os seus pensamentos não pronunciados.Lembre-se,a honra ou desonra podem ser demostradas em atos,palavras ou pensamentos,mas toda verdadeira honra tem origem no coração.
Muitos daqueles fariseus,mestres da lei e escribas,já tinham desenvolvido um padrão de desonra com relação a Jesus.Eles o haviam desprezado,zombado dele,e tentado muitas vezes envergonha-lo publicamente.Está escrito: "Os escribas e fariseus observava-no... a fim de acharem de que o acusar "( Lucas 6:7). E novamente lemos : "Observando-o,subornaram emissários que se fingiam de justos para verem se o apanhavam em alguma palavra..."( 20:20). Estes são apenas alguns relatos entre muitos.Como você pode ver,aqueles homens foram além da atitude de reter a honra,eles chegaram ao ponto de tratar Jesus com desonra.
O habitantes de Nazaré retiveram a honra e receberam uma recompensa pequena ou parcial.Os fariseus desonraram a Jesus por meio de seus pensamentos e não receberam nenhuma recompensa. 


   


Texto tirado do livro A recompensa da Honra de John Bevere

Nenhum comentário: